Image

Rememorar e valorizar a história de vida das pessoas que passaram pelos Centros Vocacionais Tecnológicos (CVT) do Instituto Centec. Este é o objetivo do projeto “CVT em Minha Vida” lançado no dia 9 de dezembro, durante a Feira do Conhecimento Digital, com a participação do presidente do Centec, Silas Alencar, do gestor da Secretaria Estadual da Ciência, Tecnologia e Educação Superior (Secitece), Inácio Arruda, do idealizador dos CVTs, ex-deputado federal Ariosto Holanda, o diretor Hermínio Lima, além de colaboradores do Centec e estudantes.

Em sua fala de abertura, Hermínio Lima ressaltou que os CVTs têm promovido transformação na vida das pessoas por meio da qualificação profissional. “E vamos mostrar para toda a sociedade estes exemplos de vida, além de apresentar também os nossos profissionais que têm se dedicado incansavelmente, mesmo durante a pandemia”, disse ele, acrescentando ainda que foram mais de cinco mil pessoas qualificadas por meio do ensino remoto em 2020.

A aluna Camila Barros fez, durante o evento, um relato da sua experiência. Ele iniciou no projeto PISD e já é graduada em Letras – Inglês, pela Universidade Aberta do Brasil (UAB) no CVT Beberibe e com especialização em Gestão Pedagógica. Atualmente, cursa Letras – Português, sua segunda graduação também no Polo UAB do Centec em Beberibe. “O CVT é um lugar de oportunidades, consegui ingressar nas melhores Universidades Públicas do Ceará sem sair do meu município. Aqui pude ver e ser uma prova vida do poder transformador da educação. O meu sonho é cursar o mestrado e espero que seja aqui no CVT”, finaliza.

Ariosto Holanda fez um resgate histórico de como surgiram os CVTs, citando pessoas importantes para a criação deste projeto bem-sucedido, como o ex-governador Tasso Jereissati, o sociólogo Betinho, Vera Uchoa e Edgar Linhares. “O CVT é, de fato, um lugar onde você pode crescer. O interior do Ceará foi povoado por CVTs, levando qualificação profissional onde não existia nenhuma opção. Por isso, vamos continuar acreditando no nosso povo, na nossa gente”, comemorou o ex-deputado.

O secretário Inácio Arruda destacou que o Centec não parou durante a pandemia. “As metas foram garantidas. O Centec encontrou meios para chegar às pessoas mais pobres do Estado e melhor ainda agora com o apoio do Governo do Estado na compra de chips e equipamentos para os estudantes acompanharem as aulas remotamente”, anunciou ele.

O presidente da instituição, Silas Alencar, destacou que ele próprio é um caso de sucesso do Centec, pois estudou na Fatec, foi professor da faculdade. “O Centec ampliou os meus conhecimentos e me deu oportunidades. Não temos nem como saber quantas Camilas existem por aí, são muitos os casos de sucesso. Fico emocionado em ouvir essas trajetórias, como tudo começou e até onde chegamos. Parabéns aos nossos guerreiros, professores e colaboradores, que estão levando educação e conhecimento para a população cearense”, disse Silas, lembrando ainda que o Centec promoveu recentemente uma colação de grau virtual para 125 alunos.

Após os discursos, receberam comendas de honra ao mérito pela atuação em prol dos CVTs, o ex-deputado Ariosto Holanda, o secretário Inácio Arruda e o presidente do Centec, Silas Alencar. O evento está disponível para visualização AQUI.

Todas as palestras do Centec na Feira do Conhecimento Digital estão disponíveis no Canal da instituição no Youtube: www.youtube.com/c/InstitutoCentec.

Fotos: Chico Gomes/Secitece.

Deixe seu comentário

Assessoria de Marketing e Comunicação (ASMC)

Equipe

Coordenador: Gerardo Newton
– gerardo@centec.org.br

Assessora de imprensa: Caroline Avendaño
 carol@centec.org.br

Design e criação: Atila Tahim
– atila@centec.org.br

Contatos

Telefone: (85) 3066-7013 / 7048
E-mail: marketing@centec.org.br